NOTÍCIAS

Cabo Maciel propõe curso técnico de Mediação em ambiente escolar no Cetam e comemora futura Escola Técnica em Silves

Por Assessoria de Comunicação

13.abr.2023 13:45h
img
Foto: Paulo Ferraz

Nesta quinta-feira (13), na tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o presidente da Comissão de Educação da Casa, deputado estadual Cabo Maciel (PL), repercutiu a reunião que realizou com a diretora-presidente do Centro de Educação Técnica do Amazonas (Cetam), Hellen Matute, para tratar sobre o curso de Mediador como qualificação profissional para pessoas que atuam na área da educação. A figura do mediador auxilia o desenvolvimento de estudantes com Transtorno do Espectro de Autista (TEA).

Cabo Maciel falou sobre a necessidade de formar essa mão de obra especializada. “Temos uma necessidade grande da figura do professor mediador e temos recebido na Comissão de Educação uma série de reivindicações nesse sentido. Nós escrevemos um projeto e apresentamos ao Cetam, para que crie um curso técnico para orientar e capacitar pessoas para que tenham a noção de como auxiliar no desenvolvimento de pessoas com TEA”, explicou.

A proposta foi criada com apoio do Conselho Regional de Fonoaudiologia (Crefono 9) e de pedagogos. “Eu tenho certeza que muitas pessoas da área educacional têm interesse em fazer esse curso técnico e eu fiz o pedido de que esse curso para o interior do Estado. Na capital ainda temos uma estrutura de atendimento, mas no interior a estrutura é deficitária”, destacou o deputado.

 

Escola de Energia e Gás em Silves

O deputado Cabo Maciel também destacou na tribuna da Assembleia a vistoria realizada pelo vice-governador do Amazonas, Tadeu de Souza (Avante), nas instalações da futura Escola Técnica de Energia e Gás do Cetam no município de Silves (distante 182 km de Manaus em linha reta), na quarta-feira (12). A Escola Técnica vai funcionar no prédio onde antes funcionava a Escola Estadual Agobar Garcia, que passa por obras de readequação.

O parlamentar falou sobre a importância dos cursos de qualificação profissional para a população da região na qual está localizado o Campo do Azulão, a primeira área produtora de gás natural na Bacia do Amazonas. “Quem anda naquela região se depara com a população local se queixando que não consegue preencher vagas com boa remuneração na indústria de gás natural. Então o Governo do Estado vai transformar uma escola estadual em uma unidade do Cetam, para oferecer cursos técnicos para capacitar a população dos municípios de Silves, itapiranga (226 km) e Itacoatiara (176 km), é um passo importante para população da região”, comemorou.

 

Lindivan Vilaça (92) 99147-3440