NOTÍCIAS

Cessão de Tempo discute sobre suspensão de navegação noturna em trechos dos rios Amazonas e Solimões

Por Diretoria de Comunicação da Aleam

12.set.2023 14:09h
img
Foto: Danilo Mello

O Capitão de Mar e Guerra Jorge de Oliveira Antunes Júnior, capitão dos portos da Amazônia Ocidental, o Capitão de Fragata Jorge Luiz e o vice-Almirante Tadeu Marcos Orosco Coelho Lobo, comandante do 9º Distrito Naval, estiveram na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) participando de Cessão de Tempo, a pedido do deputado Comandante Dan (Podemos), para explicar a regulamentação da navegabilidade dos rios do Amazonas, que foi restringida em alguns trechos, durante esse período de seca, por meio da Portaria nº 158/2023.

“A Marinha do Brasil se preocupa muito com a segurança da navegação e com o desenvolvimento do Amazonas. Estamos aqui para explicar os motivos que levaram à restrição de navegação noturna em pontos críticos nos rios Amazonas e Solimões, por conta da baixa profundidade e dificuldade de navegação de grandes embarcações”, relatou o Capitão de Mar e Guerra, Jorge de Oliveira Antunes Júnior.

Foram destacados dois pontos de extrema importância ao longo do Rio Amazonas: a travessia do Tabocal, localizada na área de Urucurituba, e a entrada (foz) do Rio Madeira, em Itacoatiara. No caso do Rio Solimões, a instituição enfatiza a necessidade de uma atenção especial à enseada do Rio Purus.