NOTÍCIAS

Deputada Alessandra Campêlo reforça apoio da Comissão da Mulher a professora assediada no Ifam

Por Assessoria de Comunicação

29.nov.2022 14:09h
img
Foto: Miguel Almeida

Em reunião nesta terça-feira (29/11), a deputada estadual Alessandra Campêlo (PSC) colocou advogadas e assistentes sociais da Comissão da Mulher da Assembleia Legislativa do Amazonas à disposição da professora Erica Mafra de Toledo para acompanhamento do andamento do processo de assédio sexual que tramita no Ministério Público Federal (MPF).

No início do mês, a professora Erica Mafra de Toledo, do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), viralizou nas redes sociais ao denunciar um caso de assédio sexual do qual foi vítima em setembro de 2020. O suspeito é um colega de trabalho da instituição. Segundo Erica, o suspeito do assédio teria oferecido dinheiro em troca de sexo. A direção do Ifam disse, em nota, que tomou todas as medidas cabíveis para apuração dos fatos. Já o MPF confirmou que a investigação tramita sob sigilo.

“Faço questão que as nossas advogadas e assistentes sociais estejam juntas com você, professora Erica, acompanhando o andamento desse processo no MPF. O meu mandato e a Comissão da Mulher da Aleam estão à disposição, porque a gente precisa que o assédio sexual seja realmente criminalizado e que a gente evite novas vítimas”, disse a deputada durante a reunião.

A professora Erica agradeceu o apoio oferecido pela presidente da Comissão da Mulher da Assembleia Legislativa. Ela acredita que sua atitude vai encorajar outras mulheres a romperem a barreira do silêncio.

“Meu objetivo com essa denúncia é encorajar outras mulheres a fazerem o mesmo e assim evitar que com tenhamos novas vítimas de assédio sexual ou moral no ambiente de trabalho. Agradeço o apoio que recebi da Comissão da Mulher da Assembleia, de associações, dos alunos do Ifam e das pessoas que estão se mobilizando pelas redes sociais”, afirmou Erica.

 

 

 

Responsável: Emanuel Mendes Siqueira (92) 99122-3785

 

Skip to content