NOTÍCIAS

Deputado Roberto Cidade destaca importância do programa Parlamento Jovem para a construção de uma consciência cidadã

Por Assessoria de Comunicação

22.jun.2023 15:21h
img
Foto: Rodrigo Brelaz

Presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado estadual, Roberto Cidade (UB), enalteceu os 24 integrantes do Parlamento Jovem, – programa desenvolvido pelo parlamento estadual -, que tomaram posse nesta quinta-feira, 22, na 15ª Legislatura. Na avaliação dele, o programa contribui para a construção de uma consciência cívica, aproximando o adolescente da vivência parlamentar.

Ausente da sessão plenária por estar cumprindo agenda parlamentar em Tocantins, durante a 4ª Reunião Ampliada do Colegiado de Deputadas e Deputados, o parlamentar parabenizou os adolescentes que se propuseram a participar do programa.

“Parabenizo todos que quiseram estar conosco nesse programa, que se interessaram pelas formações e que hoje vivem mais uma etapa na construção de uma consciência cidadã, na formação de uma sociedade melhor. Eu, como presidente da Assembleia, dou as boas-vindas e desejo muito sucesso no mandato de cada um de vocês nesta que é a Casa Mãe das leis no estado do Amazonas”, parabenizou Cidade.

Projeto desenvolvido pela Escola do Legislativo Senador José Lindoso, o programa existe desde 2008 e, nesta edição, conta com participantes dos municípios de Manaus, Manacapuru, Iranduba, Parintins, Rio Preto da Eva, Novo Airão e Presidente Figueiredo.

Representando o deputado estadual Roberto Cidade (UB), presidente da Aleam, a estudante do 3º ano do Instituto de Educação do Amazonas (IEA), Ruth Bastos, de 17 anos, falou do orgulho de compor o Parlamento Jovem e agradeceu à Assembleia Legislativa pela experiência.

“Agradeço pela oportunidade que a Assembleia Legislativa tem nos dado. Tenho muito orgulho de estar representando o nosso colégio nesse projeto muitíssimo interessante. Essa está sendo uma experiência deslumbrante. A política tem que estar presente em nossas vidas desde muito cedo. Temos que ter a política em nossas vidas. Aprender sobre direitos constitucionais, projetos de lei, presenciar uma sessão ao vivo é uma experiência indescritível e espero poder voltar a essa Casa quando mais velha. Essa experiência abriu lugares na minha cabeça de que eu posso chegar muito mais. Agradeço pela oportunidade”, afirmou a estudante.