NOTÍCIAS

Deputado Sinésio Campos participa do lançamento do edital Floresta Viva

Por Assessoria de Comunicação

06.jul.2023 12:57h
img
Foto: Divulgação Assessoria

O Deputado Sinésio Campos (PT) representou a Assembleia Legislativa durante o lançamento do edital Floresta Viva, programa que vai destinar recursos para ações de reflorestamento no Amazonas. A solenidade aconteceu na manhã desta quarta-feira (05), e reuniu representantes do BNDES, da Eneva, entidades sociais, além de contar com a presença do secretário de Meio Ambiente do Estado, Eduardo Taveira, e do vice-governador Tadeu Souza.

O edital é o resultado de uma parceria entre o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Eneva, empresa do setor de energia que atua no Amazonas. O programa disponibilizará até R$ 8,9 milhões em recursos para incentivar a restauração ecológica na Amazônia.

O edital será conduzido e operacionalizado pelo FUNBIO, organização da sociedade civil de interesse público (OSCIP) que é gestora do Floresta Viva. Ele prevê apoiar até duas propostas que resultem na recuperação de uma área de até 400 hectares, no interior e no entorno de 10 unidades de conservação ambiental localizadas no território amazônico.

Os projetos selecionados deverão implementar ações de restauração ecológica e fortalecimento da cadeia produtiva da restauração. Os recursos serão investidos na conservação da biodiversidade, visando melhorar a qualidade ambiental e diminuir as desigualdades sociais e regionais. O prazo para execução das propostas é de até 48 meses.

De acordo com Sinésio Campos (PT), o lançamento do edital marca um novo momento na gestão das políticas públicas ambientais no estado. “Eu tenho a certeza que o momento agora é de fazer um chamamento para outras empresas que estão instaladas em nosso polo industrial que possam seguir nessa mesma direção. O BNDES é a presença do nosso governo Lula aqui no estado, fazendo a diferença, sobretudo com a iniciativa privada. Não existe preservação do meio ambiente se também não preservarmos frentes de emprego e renda e alternativas para os homens da floresta, que preservam aqui e precisam viver com dignidade”, afirmou Sinésio Campos (PT).

O edital é voltado para instituições sem fins lucrativos, como associações civis e fundações privadas e cooperativas em qualquer grau de constituição. Para participar, os interessados deverão enviar suas propostas até o dia 4 de setembro de 2023, por meio de formulário eletrônico, disponível no site: https://chamadas.funbio.org.br/floresta-viva-restauracao-ecologica-no-amazonas.