NOTÍCIAS

Deputado Thiago Abrahim destaca atividades realizadas nos seis primeiros meses na Aleam

Por Assessoria de Comunicação

20.jul.2023 9:37h
img
Foto: Divulgação Assessoria

O deputado estadual Thiago Abrahim (União Brasil) é presidente da Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Rural e Regional da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), e tem apresentado propostas que beneficiem o interior.

Nos primeiros seis meses de mandato, apresentou 22 Projetos de Lei. Entre eles está o que concede a meia passagem no transporte fluvial intermunicipal estudantil; prioridade em programa de habitação para vítimas de desastres naturais; licença menstrual para mulheres que comprovem sintomas graves; cassação da inscrição do cadastro de contribuintes de empresas que utilizem o trabalho infantil; entre outros.

“Nesses primeiros seis meses de mandato temos trabalhado bastante para levar as melhorias para o nosso interior do estado. Tivemos quatro projetos de lei aprovados. Entre eles está o que concede desconto automático no IPVA a bons condutores; emissão de quitação mensal de débitos pelas empresas jurídicas no Amazonas; proibição do uso exclusivo de cardápios digitais em restaurantes; e o que destina parte da madeira apreendida pelos órgãos de fiscalização para construção de pontes e marombas nos municípios atingidos pela cheia dos rios”, disse Abrahim.

O parlamentar visitou municípios do interior como Itacoatiara, Barreirinha e Maués para ouvir as demandas e conhecer de perto a realidade da população. Apresentou mais de 70 requerimentos. Entre eles estão a reforma de escolas; criação de centro integrado para mulher; criação da Delegacia da Diversidade, combate à mendicância; criação de Hemonúcleos e aumento de efetivo de policiais no interior, etc.

“Durante este recesso parlamentar, realizamos ação social no município de Maués com mais de 3 mil atendimentos nas áreas jurídica, de saúde e cidadania. E continuo atendendo normalmente às demandas da população”.

O deputado realizou visitas em hospitais, maternidades, secretarias ligadas à Defesa Civil, Segurança Pública, Esporte, Assistência Social e Educação. Ele se reuniu com representantes da indústria e do comércio, de cursos de tecnologia e inovação, de universidades, além de outros segmentos.

“Iremos utilizar esse recesso para fazer um planejamento dos próximos seis meses. Continuaremos visitando os municípios do interior e levaremos mais ações sociais. Também continuaremos produzindo leis que impactem positivamente a vida das pessoas”, concluiu.