NOTÍCIAS

Deputado Wilker Barreto expõe vazante acelerada e solicita plano de ação do secretário de Defesa Civil do Amazonas

Por Laura Figueiredo

19.jun.2024 11:19h
img
Foto: Davide Silva

Na terça-feira (18/6), o deputado estadual Wilker Barreto (Mobiliza), usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) para, novamente, cobrar um plano de ação concreto e efetivo da Defesa Civil do Estado do Amazonas, para prevenção dos efeitos da estiagem deste ano.

Um vídeo, feito pelo presidente executivo da Eletros, José Jorge, está circulando nas redes sociais e apresenta poucos resquícios de água no porto de Tabatinga. Ao reproduzir o material no plenário, Wilker relembrou sua passagem por Tabatinga (distante a 1108 de Manaus), no domingo (09/6).

“No domingo retrasado, atravessei e tinha mais de dois metros de rio. Lembramos que há menos de um mês, um jovem se afogou. Olha como é que está hoje na frente da cidade, numa vazante que teve dias, secou 32 centímetros num dia”, relembrou.

O parlamentar expôs o que encontrou na comunidade Santa Inês localizada em São Sebastião do Uatumã, há 246.58 quilômetros de Manaus. Os ribeirinhos residentes na região solicitaram de Barreto a possibilidade de viabilizar água potável para auxiliar no enfrentamento da extrema seca.

“Estive no final de semana lá na Comunidade Santa Inês de Bacabal em São Sebastião do Uatumã, participei de uma soltura de quelônios e, após a soltura, sabe qual foi o apelo da população ribeirinha? Água potável”, expôs o parlamentar.

Por fim, o deputado cobrou a vinda do secretário novamente à Casa Legislativa para esclarecer o plano de ação e transmitir mais confiança quanto às estratégias de enfrentamento, em vez de simplesmente sobre o clima.

“Estou cobrando a vinda para se discutir o problema, não como ocorreu na última quinta-feira, quando o secretário de Defesa Civil, coronel Máximo, falou muito mais de clima do que de ações concretas para enfrentamento da estiagem. Quero pedir à Mesa que reitere o convite ao secretário para que o mesmo conclua a apresentação que iniciou na última quinta-feira, porque isso está assustando a todos nós”, exclamou.