NOTÍCIAS

Discursos da Sessão Plenária na Assembleia Legislativa do Amazonas foram pautados na questão da Saúde

Por Diretoria de Comunicação

19.out.2021 15:02h
img
Foto: Divulgação Dicom

Na Sessão Plenária desta terça-feira (19), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), os discursos dos deputados estaduais foram centrados sobre a questão da Saúde Pública, desde a reforma de Unidades Básicas de Saúde (UBSs) à interiorização da alta complexidade, com a implantação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Abdala Fraxe (Podemos) parabenizou a gestão da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa) que já revitalizou nove unidades básicas de saúde, em Manaus. “Nestes dez meses de gestão, já foram nove revitalizações completas, do piso ao teto dos prédios onde funcionam as UBSs e uma inauguração de uma nova unidade no bairro Jorge Teixeira. Isso evidencia a intenção do prefeito em cuidar da atenção básica”, elogiou.

O deputado estadual Tony Medeiros (PSD), por sua vez, parabenizou a cidade de Parintins (distante 369 km de Manaus em linha reta) pelos seus 169 anos e aproveitou para agradecer ao Governo do Estado pela implantação dos leitos de UTI no município. “Manaus tem 814 leitos de UTIs e as cidades do interior não têm nenhum. Desde que assumi este mandato, levantei algumas bandeiras,,dentre as quais, a interiorização da saúde. Na última sexta-feira (15), o governador foi a Parintins e entregou as primeiras unidades, que, para alguns pode não parecer grande coisa, mas para nós que somos do interior, representa um grande avanço”, afirmou Tony.

O tema da interiorização da alta complexidade da saúde também esteve presente, no Grande Expediente, quando o deputado Carlinhos Bessa (PV) comentou a implantação dos leitos de UTI em Parintins, anunciando que enviou requerimento ao Governo do Estado para que dê igual atenção ao município de Tefé (523 km). “Tefé atende a sete municípios com média complexidade. Peço que sejam instalados leitos de UTI para atender os municípios vizinhos, pois o transporte aéreo é muito caro para fazer a remoção. Peço que Tefé seja contemplada o mais rápido o possível, pois dá suporte a sete municípios”, afirmou. Em aparte, Dermilson Chagas explicou que a aquisição dos leitos foi feita por meio da antecipação dos impostos da empresa Celeo Redes Brasil ao município, por articulação do prefeito Bi Garcia (PSDB), e que o Governo ficará responsável pelo custeio e manutenção do maquinário. “Seria mais bonito, se Governo tivesse gasto recursos próprios para a implantação”, opinou.

Ainda no tema saúde pública, a deputada estadual Mayara Pinheiro (Progressistas) falou sobre a necessidade de melhorias na saúde amazonense, como no combate ao câncer de colo de útero, por exemplo, com a autoria de emendas parlamentares, totalizando R$ 4,8 milhões destinados à saúde.

“Tenho me esforçado e contribuído para que a saúde do nosso estado seja cada vez melhor”, declarou.
Já o deputado estadual Angelus Figueira (DC) tratou sobre o anseio da população dos municípios pela interiorização da alta complexidade, pedindo do Governo do Estado que libere os recursos de emenda parlamentar do deputado federal Átila Lins (Progressistas) para a construção de um hospital em Manacapuru (68 km), aprovada há dois anos e aguardando a liberação de recursos.

 

Outros temas

O deputado João Luiz (Republicanos) elogiou o trabalho de sinalização de tráfego feito na Ponte Phellipe Daou, que liga Manaus a Iranduba (27 km), pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra); o deputado Dermilson Chagas (sem partido) criticou a falta de cédulas de identidade no Amazonas, a exemplo do município de Borba (151 km), para onde são enviadas apenas 50 cédulas de identidade a cada dois meses e a deputada Therezinha Ruiz (PSDB) repercutiu o Prêmio Professor Inovador realizado na última sexta feira (15), no Centro de Convenções Vasco Vasquez.

Skip to content