NOTÍCIAS

Segunda edição do programa “Pra Sempre Boi Bumbá” estreia na TV Aleam

Por Diretoria de Comunicação da Aleam

15.jun.2022 15:59h
img
Foto: Divulgação Dicom

Levar programas ao público que vão além do dia a dia político da Assembleia Legislativa do Amazonas é um dos objetivos da diversificação da programação da TV Aleam. Com isso em mente, estreia nesta sexta-feira, a segunda edição programa “Pra sempre Boi Bumbá”, com apresentação dos jornalistas Tereza Pinheiro e Adriano Castro, que levará aos telespectadores um pouco da festa dos bois Garantido e Caprichoso, realizada entre os dias 24 e 26 de junho no Festival de Parintins.

Em um novo formato, o programa terá sua primeira exibição no dia 17 de junho, às 19 horas, com reprises durante a semana, sempre às 13 e 19 horas. O conteúdo trará matérias relativas ao dia a dia de quem vive o Festival de Parintins, com os integrantes das agremiações, torcedores e comerciantes que complementam a renda nesse período.

“A primeira edição do programa foi feita em plena pandemia, sob todos os controles sanitários. Não tinha Festival de Parintins, todos os eventos estavam suspensos. Por outro lado, isso nos deu a chance de contar, na gravação, com apresentação de uma banda de toadas, dançarinos e os bois Garantido e Caprichoso. Ainda tivemos vídeos que nos foram enviados por todos os itens individuais”, contou Saulo Borges, coordenador da TV Aleam.

Saulo complementa que a intenção do presidente da Casa Legislativa, deputado Roberto Cidade (UB) e da diretoria de Comunicação, coordenada pela jornalista Mônica Santaella, é dar vez e voz à cultura.  “Nossa programação tem a missão de comunicar ao telespectador o que a Casa Legislativa realiza, por meio das sessões plenárias, ações das comissões especiais. Mas, a gente tempera tudo com um molho para levar toda a programação a quem nos assiste, e essa linha de arte e cultura é uma boa saída”, explicou.

 

O programa

O “Pra Sempre Boi Bumbá” vai falar da expectativa para a volta do Festival em 2022, depois de dois anos sem ser realizado, por conta da pandemia, exibindo reportagens lembrando as pessoas que faleceram e eram ligadas ao Boi Bumbá, como Arlindo Jr., Zezinho Corrêa, Klinger Araújo, Sidney Rezende, entre outros. “Teremos reportagens também sobre lugares em Manaus que são um pedaço de Parintins, como o Bar do Lourinho, na Avenida Constantino Nery, que existe há 24 anos, reunindo torcedores do Caprichoso e, pelo lado do Garantido teremos o Bar Da Baixa. Vamos mostrar os ensaios dos bois no Sambódromo”,  informa o apresentador Adriano Castro.

“É muito especial apresentar o programa, porque é a nossa cultura, que convivemos e aprendemos a amar.  Agora estamos transmitindo tudo isso para outras pessoas”, diz.

A jornalista Tereza Pinheiro apresentará pela primeira vez o programa e confessa admiração pelos dois bois, mas com o coração azul. “Minha relação com o Boi Bumbá começou quando cheguei a Manaus, em 1998, quando cobri o festival em Parintins. Depois fui duas vezes, dessa vez a passeio, fiquei encantada, passei a ser frequentadora dos ensaios, gosto de dançar e das músicas”, contou.

A diretora de Comunicação da Aleam, Mônica Santaella, explica que o programa Pra Sempre Boi Bumbá atende à proposta de diversificação da grade de programação da TV Aleam, para além das matérias políticas e cobertura de atividades parlamentares. “É usar o espaço da TV para valorizar nossa cultura, nossos costumes, nosso folclore, que é o nosso papel como emissora pública. Essa foi uma das propostas do presidente Roberto Cidade, que nos pediu que reforçássemos isso tanto na TV como na rádio, que, por exemplo, só executa músicas de artistas locais nos horários que são cedidos pela rádio Senado. Por isso, inclusive, o nome “Pra Sempre Boi Bumbá”, decidimos manter para incentivar a nossa maior manifestação folclórica.”, explicou.

Skip to content