NOTÍCIAS

Serafim Côrrea: o volume de tributos no preço final dos combustíveis é muito elevado no Brasil

Por Assessoria de Comunicação

21.jun.2022 12:56h
img
Foto: Divulgação Assessoria

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) afirmou nesta terça-feira (21), que o volume de tributos no preço final dos combustíveis é muito elevado no Brasil. O parlamentar reafirmou que a aprovação de uma proposta que estabelece um teto de 17% para a alíquota do Imposto sobre a Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) para combustíveis é uma medida eleitoreira do Governo Federal.

De acordo com a Secretaria de Estado da Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM), a mudança vai gerar uma perda, anual, de R$ 1,2 bilhão aos cofres estaduais.

“Estabeleceu-se uma grande confusão, uma grande disputa e verifica-se, pelo momento em que isso ocorre, que a preocupação é meramente eleitoral: derrubada do presidente da Petrobras, vai entrar um outro presidente para alterar as datas do reajuste do petróleo, que é exatamente para jogar após as eleições. Eu tenho uma posição antiga e que entende que o peso dos tributos no preço final dos combustíveis é muito elevado no Brasil”, disse o deputado.

O líder do PSB no Parlamento Estadual lembrou que em outras duas oportunidades – 2018 e 2020 – usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) para defender a mesma tese.

“A minha posição sempre foi clara: a tributação sob os combustíveis é exageradamente elevada. Agora, não dá para fazer isso, fazer esse ajuste, faltando 100 dias para eleição com objetivo meramente eleitoral: Isso tem que ser feito como uma política de estado, como uma política racional, e também nós temos que rever os preços da Petrobras pela maneira como ela se comporta”, declarou.

O parlamentar lembrou que a Petrobras produz um barril de petróleo a dez dólares e trabalha com preço internacional de 120 dólares.

Skip to content