NOTÍCIAS

Sessão Especial em alusão ao Dia Mundial do Empreendedorismo feminino é realizada na Aleam

Por Assessoria de Comunicação

20.nov.2021 9:44h
img
Foto: Divulgação Assessoria

Sessão Especial, realizada nesta sexta-feira (19), na Assembleia Legislativa, marcou o Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino e a implementação da Organização Brasileira de Mulheres Empresárias (OBME), no Estado do Amazonas. A solenidade, proposta inicialmente pela deputada Therezinha Ruiz (PSDB), foi conduzida pela Vice-presidente da Casa, deputada Dra. Mayara Pinheiro (Progressistas).

A programação contou com apresentações, homenagens e entregas de placas comemorativas para mulheres empreendedoras no Amazonas.  De acordo com a deputada Mayara comemorar o Dia do Empreendedorismo feminino é muito importante pois, empreender requer coragem, pró atividade, liderança e otimismo, aliados à peculiaridade da mulher, que é a sensibilidade de ver o que está além dos olhos.

Na oportunidade, também foi comemorada a implementação da Organização Brasileira de Mulheres Empresárias (OBME), no Amazonas, uma organização não governamental, sem fins lucrativos, criada para promover iniciativas empresariais, intercâmbio de projetos e geração de oportunidade para mulheres que comandam seus próprios negócios. Presente em 120 países, a OBME tem mais de 5 milhões de mulheres associadas, em todo o mundo.

Dra. Mayara enfatizou a luta enfrentada pelas empreendedoras, assim como a necessidade de representação desse grupo. A parlamentar lembrou dos esforços realizados na tentativa de ajudar as mulheres, principalmente, do interior do Estado. “Inclusive cheguei a fazer Sessão híbrida com o Sebrae com objetivo de levar capacitação, buscar oportunidades e viabilizar acesso ao crédito para essas mulheres que estão distantes da capital e acabam ficando desassistidas.”

O dia do empreendedorismo feminino marca a luta dessas mulheres que estão cada vez mais ocupando espaço na sociedade e nosso dever é contribuir criando políticas públicas que apoiem e ajudem na regularização dos negócios, passo essencial para que as empreendedoras amazonenses alcancem o sucesso, conclui Mayara.