NOTÍCIAS

SOS interior: Piratas tomam contam dos rios do Amazonas e deputado Wilker Barreto cobra Secretário de Segurança

Por Assessoria de Comunicação

09.ago.2023 16:03h
img
Foto: Divulgação Assessoria

O deputado estadual Wilker Barreto (Cidadania) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) nesta quarta-feira, 09, para ecoar uma denúncia da falta de segurança no interior do Amazonas. Em tribuna, o parlamentar expôs a mensagem de um cidadão relatando que piratas estão invadindo o Alto Solimões e o Médio Amazonas, amedrontando as pessoas de bem. Diante disto, Barreto cobrou que o secretário da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM), general Mansur, “saia um pouco mais do ar-condicionado e vá para o front”.

Segundo Wilker, a realidade do interior do Amazonas seria outro ponto importante para estimular a vinda de Mansur à Casa Legislativa, algo já proposto pelo deputado na última quarta-feira, dia 2, quando o parlamentar cobrou a apresentação de um planejamento da SSP-AM para combater números alarmantes do Anuário Brasileiro de Segurança, como o que coloca o Amazonas em terceiro lugar como o Estado mais violento do País.

“Eu venho aqui fazer um apelo em nome do povo do Alto Solimões e do Médio Amazonas. Eu recebi, e espero que essa minha fala chegue ao Secretário de Segurança, que ele saia um pouco mais do ar-condicionado e vá pra linha de frente, do front de batalha, porque o nosso povo está exposto. A mensagem que eu recebi de um cidadão é que os piratas estão fazendo o terror abaixo de Coari. Todas as embarcações, tanto baixando quanto subindo, estão sendo abordadas por eles.  No Paraná do Tapira, e a base Arpão bem próximo, não faz nada. Todos os barcos estão sendo alvo deles”, revelou Wilker, ao ler a mensagem recebida através de um aplicativo.

Após as graves pontuações, o deputado ainda frisou que vai oficializar o Secretário quanto ao que vem ocorrendo nos rios do Amazonas. “E isso não ocorre só de hoje, e seria mais um motivo para o Secretário vir aqui explicar como vai combater os piratas que estão maltratando os irmãos humildes do interior, abordando as embarcações, subindo e descendo os rios. Oficializarei ao Secretário, o correto era que tivéssemos uma vinda do Secretário a esta casa, mas não acredito que venha porque não tem planejamento, porque se tivesse, viria. É muito grave o que está acontecendo hoje nos rios do nosso Estado”, disparou.

Vale lembrar, que Barreto esteve com Mansur em 1° de agosto de 2022, onde na oportunidade sugeriu a criação de uma força-tarefa entre os órgãos da segurança pública do Estado e as forças armadas para combater os ataques piratas nos rios amazônicos. Além disso, vem cobrando constantemente o reforço dos efetivos da Polícia Militar (PMAM) e Polícia Civil (PCAM) através da nomeação dos aprovados dos últimos concursos, que também conta com um número expressivo do Corpo de Bombeiros (CBMAM).

“Faço novamente um apelo em nome do povo do Alto Solimões e do Médio Amazonas e cidades como Tefé, Coari, Japurá, e as nove cidades que compõem o Alto Solimões, está uma coisa sem freio”, disse Wilker.

Jornalista responsável: Nathália Silveira (92) 98157-3351

Texto: Dayson Valente